Pular para o conteúdo principal

Postagens

Rádio PolicialBR 24 horas com você. Notícias e entretenimento.

PolicialBR esta no Google Play | Instale nosso App em seu celular

PM suspeito de crime em moradia social não tem perfil de beneficiário

Recebendo o triplo da renda estabelecida, PM não poderia morar no local.
Soldado é suspeito de matar homem com três tiros em conjunto no Amapá.
Caso aconteceu no Conjunto Macapaba, na Zona
Norte de Macapá (Foto: Reprodução/TV Amapá) O soldado da Polícia Militar suspeito de matar a tiros o vizinho no Conjunto Habitacional Macapaba, em Macapá, na noite de sábado (30), não poderia ser beneficiário de um dos apartamentos do residencial. O militar possui renda mensal quase três vezes maior do que a permitida pela Caixa Econômica Federal. Vizinhos contaram que o PM mora no conjunto desde a inauguração, em julho de 2014. De acordo com a Secretaria de Inclusão e Mobilização Social (Sims), responsável por elaborar o dossiê de cada beneficiário, consta no apartamento onde ele mora apenas o registro do nome da mulher dele e da filha dela. Segundo o órgão, a beneficiária atende aos requisitos de ganhos mensais, não ultrapassando R$ 1.600. Alice Ribeiro, secretária adjunta de políticas de assistência…

'Detentos não entraram em contato', diz Coape sobre greve de fome no RN

Coordenadora do sistema penitenciário não recebeu nenhuma reivindicação.
São 2.500 presos protestando em 8 presídios; motivo ainda é mistério.
Coordenadora do sistema penitenciário, Dinorá não
recebeu reivindicações(Foto: Ricardo Araújo/G1) A Coordenadoria de Administração Penitenciária (Coape) não recebeu nenhuma reivindicação dos presos que estão em greve de fome desde a manhã desta segunda-feira (1) em pelo menos oito unidades prisionais do Rio Grande do Norte. A coordenadora do sistema penitenciário, Dinorá Simas, conta não ter recebido nada formalmente. "Por enquanto estamos sabendo de suposições, mas não podemos falar nada. Estamos apurando o motivo da greve de fome", diz.

Dinorá acrescenta que os presos não aceitaram nenhuma das refeições nesta terça-feira (2). A coordenadora esteve reunida com diretores de presídios do estado e ficou definido que o procedimento será o mesmo adotado na segunda. "O dia foi tranquilo e não houve tumulto. Estamos esperando o contato del…

ALE-AL derruba veto à Lei de Promoções e militares comemoram

Governador Teotonio Vilela tem 48 horas para sancionar a Lei.
Se perder o prazo a ALE promulga.
Militares comapreceram em peso à ALE e
comemorarm decisão dos deputados
(Foto: Michelle Farias/G1) A Assembleia Legislativa de Alagoas (ALE-AL), durante sessão ordinária desta terça-feira (2), derrubou o veto da Lei de Promoções dos militares. O governador Teotonio Vilela (PSDB) tem 48 horas para sancionar a Lei. Caso perca o prazo, a ALE promulga a Lei que entra entra em vigor a partir da publicação no Diário Oficial.

A categoria dos militares compareceu em peso à ALE e vibrou com a aprovação do veto. Eles trouxeram faixas e cartazes na tentativa de sensibilizar os deputados. "Estávamos confiantes que a ALE iria aprovar. Estamos discutindo com o governador desde 2007 e ele sempre teve um tratamento diferenciado com a categoria", afirma o tenente Mizael Pessoa, presidente da Assomal [Associação dos Oficiais Militares de Alagoas] . Além da votação sobre a Lei de Promoções, foi derrubada…

Justiça avalia caso de menino de 9 anos jurado de morte por traficantes

Conselho Tutelar pediu a suspensão do poder familiar da mãe da criança.
Garoto tem registro de 20 passagens por furto, roubo e tráfico, em Goiânia.
O Conselho Tutelar requisitou à Justiça de Goiás, na segunda-feira (1º), a suspensão do poder familiar da mãe de um menino de 9 anos que, segundo conselheiros, é jurado de morte por traficantes em Goiânia. Apesar da pouca idade, a criança já tem registro de 20 passagens por crimes como furto, roubo e tráfico de drogas. O caso dele é acompanhado desde 2008 pelo Conselho Tutelar da capital e agora será avaliado também pelo Ministério Público e pelo Poder Judiciário. Segundo a juíza Mônica Neves Soares Gioia, do Juizado de Infância e Juventude, o pedido do Conselho ainda será avaliado. “A gente vai analisar, visitar a casa, o Ministério Público vai falar nos autos. Porque é uma medida muito drástica, tudo tem que ser pensado e as providências tomadas no momento adequado”. No sábado (30), o garoto foi internado, pela quarta vez, em um abrigo on…

Juíza acha que não errou ao soltar Cadu: 'Tomei todas as precauções'

Acusado de matar cartunista foi solto em 2013 e voltou a ser preso em GO.
Ele é suspeito de envolvimento em dois assaltos, um deles com morte.
Juíza Telma Aparecida diz que Cadu era
acompanhado (Foto: Paula Resende/G1) A juíza Telma Aparecida Alves, da 4ª Vara de Execuções de Goiânia, disse acreditar que não houve erro ao conceder liberdade, no ano passado, a Carlos Eduardo Sundsfeld Nunes, de 29 anos, conhecido como Cadu, assassino confesso do cartunista Glauco Vilas Boas e do filho dele, Raoni Vilas Boas. "Tomei todas as precauções que estavam ao meu alcance, os relatórios, os laudos médicos. Não acho que houve um erro", afirmou em entrevista coletiva nesta terça-feira (2). Cadu, que estava livre desde agosto de 2013 após ser diagnosticado com esquizofrenia, foi preso novamente na segunda-feira (1º), na capital, suspeito de um latrocínio e uma tentativa de latrocínio. "Não tenho como prever o comportamento dos presos que cumprem medida de segurança, infelizmente acontece…