Pular para o conteúdo principal

Assine a nossa Newsletter e receba em seu e-mail as principais notícias

 


PolíciaBR apóia:

PEC altera idade da aposentadoria de militares

O deputado Raimundo Cutrim protocolou, na Assembleia Legislativa, Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que altera a idade para aposentadoria dos policiais militares.
De acordo com a proposição, a transferência compulsória para a aposentadoria do policial militar do Estado será realizada exclusivamente pela idade, da seguinte maneira: 62 anos para oficiais do sexo masculino, 60 para praças do sexo feminino, de 57 anos para oficiais do feminino e 55 para praças do sexo feminino.
A PEC diz ainda que a transferência voluntária para aposentadoria do policial militar será realizada, exclusivamente, ao completar 30 anos de contribuição previdenciária (30 anos para o sexo masculino e 25 anos para o sexo feminino).
Cutrim esclareceu que a Constituição Federal definiu como idade limite do funcionalismo público a aposentadoria aos 70 anos, e que a PEC/98 estabeleceu os critérios aos militares das forças armadas, seu regime jurídico, provimento de cargos, promoções, estabilidade, remuneração, reforma e transferência para a reserva.
Lei estadual – Em pronunciamento, Cutrim lembrou que lei estadual definiu como limite para transferência compulsória para a reserva remunerada dos policiais militares, 62 anos do sexo masculino e 57 anos do sexo feminino. “Porém, a norma não seguiu os caminhos direcionados pelos militares das forças armadas”, comentou.
Para o deputado, a lei estadual criou critérios desnecessários, pois a legislação constitucional deu condições ao legislador estadual de estabelecer apenas os limites de idade para aposentadoria. O deputado ressaltou que os policiais militares dos estados são formas auxiliares e reserva do Exército.
“Queremos apenas é que seja cumprida a Constituição Federal. Hoje há uma norma inconstitucional na Polícia Militar do Maranhão, onde no cargo máximo, o coronel seria obrigado ir para a reserva com oito anos. A lei determina a reserva aos 62 anos de soldado a coronel. Por que diferenciar do coronel?”, questiona Cutrim.
Na avaliação de Cutrim, é absurdo o projeto do Executivo que será encaminhado à apreciação da Assembleia Legislativa, obrigando o coronel da Polícia Militar ir para a reserva com cinco anos no posto. “A média de idade dos 19 novos coronéis no estado do Maranhão é entre 49 e 51 anos. Isto realmente é um absurdo”, critica. (Jornal Pequeno).

Comentários

  1. Respostas
    1. O nobre deputado acha que ser policial é o mesmo que exercer a função de deputado.

      Excluir
    2. O que é um absurdo nobre Deputado é a corrupção do sistema político brasileiro ,que sempre termina em pizza.O inclemente deputado deveria protocolar , uma proposta de emenda constitucional, para acabar com as regalias dos Deputados, a Ex de auxilio moradia verba de gabinete, cartão corporativo e muitos ouros auxílios existentes; e não querer perseguir uma classe tão miserável quanto a policial .ele só faz um absurdo desse por que não ganha um salário de fome e por que jamais teria coragem de vestir uma farda para enfrentar uma sociedade rebelde e arriscar a vida por nada. mais viva a Deus e nada mais .

      Excluir
  2. Se esta moda pega, todos os outros estados vão querer adotar, se não bastasse !tirar o couro" dos policiais agora querem a carne também e quem sabe num futuro, se continuar assim, a alma... :o

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vc deixe de ser um idiota fica só publicando essa besteira, procure um objetivo para defender.
      ou fique calado que você vai ganhar muito mais, e a sociedade agradece.

      Excluir
  3. NÃO SERIA INTERESSANTE ALTERAR A APOSENTADORIA DOS DEPUTADOS E SENADORES QUE É UMA VEGONHA NACIONAL; OS MESMOS DEVERIAM SE APOSENTAR AOS 90 ANOS AFINAL NÃO FAZEM NADA MESMO.

    ResponderExcluir
  4. mas esse cara é grande f d p mesmo,e quem vai aguentar isso?????????????????????????????????????esse JA DECLAROU QUE NÃO GOSTA DE POLICIA MESMOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO

    ResponderExcluir
  5. e a pec 300?....aposentadoria após morten deveriam dizer... é uma vergonha....
















    ResponderExcluir
  6. engraçado porque ele não muda o tempo de contribuição dos deputados, e outra se a lei que rege tal fato no âmbito federal (forças armadas) não vale para o militar estadual, então tem que se negar os julgamentos administrativos embasados no estatuto e RDM instituído pelo EB...

    ResponderExcluir
  7. NOBRE DEPUTADO É O CARALHO. ESSE FDP SÓ PODIA MESMO É TER C* NO SOBRENOME. VAMOS LEMBRAR DE VOCÊ, CANALHA.

    ResponderExcluir
  8. NÃO APARECE NINGUÉM PARA PROPOR MELHORIAS PARA OS POLICIAIS, MAS PARA PREJUDICA SEM APARECE MAIS UM COMO ESSE ELEMENTO AI.

    ResponderExcluir
  9. Por que os deputados não criam também uma nova lei excluindo a imunidade parlamentar, obrigado-os a um maior comprometimento com o povo, com as pessoas que realmente trabalham e vivem doando-se e arriscando-se por causas que não são somente suas?

    ResponderExcluir
  10. Podiam se dar ao trabalho de escrever um texto com menos erros...

    ResponderExcluir
  11. INSIGNE, MAGNÂNIMO, EGRÉGIO, CONSPÍCUO, MAGISTRAL, IMACULADO O SENHOR DEVERIA APRESENTAR UM PROJETO QUE EXIGISSE CONCURSO PÚBLICO PARA INGRESSO AOS ATUAIS CARGOS ELETIVOS PÚBLICOS, COM A EXIGÊNCIA DE FORMAÇÃO, PÓS GRADUAÇÃO, DOUTORADO E MESTRADO NA ÁREA DAS CIÊNCIAS POLÍTICAS, CONCURSO COM VALIDADE DE OITO ANOS E OS APROVADOS APÓS ASSUMIREM TAIS CARGOS FICAREM SOB A ÉGIDE DE UM CÓDIGO DE ÉTICA E SUAS CONDUTAS FISCALIZADAS POR UMA OUVIDORIA EXTERNA LIGADA AO PODER JUDICIÁRIO? ORA MEU CARO DEPUTADO, SE PARA INGRESSAR EM QUALQUER DOS CARGOS DO PODER EXECUTIVO E DO JUDICIÁRIO SE FAZ MEDIANTE CONCURSO, PORQUE NÃO TAMBÉM O PODER LEGISLATIVO? ASSIM TODOS OS APROVADOS NO CITO CONCURSO A UMA VAGA DO LEGISLATIVO SE SUBMETERIAM ENTÃO AO SUFRÁGIO PELA URNAS. POIS É!!! IDEIAS ASSIM O D.D. NÃO ÁS TEM; MÁS CRIAR PROJETOS COM O ESCOPO DE RETIRAR O ESCALPO DOS JÁ ESCALPELADOS ESCRAVOS POLICIAIS, ÉS PROGENITOR!! NESTA SEARA, PESSOAS COM IDEIAS COMO A VOSSA ME FAZ RELEMBRAR O QUE UM DIA DISSE O POETA: "NASCEU UM DIA O INSIPIENTE, SOB O COURO DE UM ONAGRO, OBLIQÜA TORPE MENTE, ÒOhh!! POBRE DESBRAGAÇADO, QUE NA RELVA DA INÉPCIA CAVALGA, COMO UM ANIMAL NÉSCIO NO AÇOITE, COM A VELOCIDADE DE UM COMETA NA ESCURIDÃO TRANSLÚCIDA DA NOITE!!

    FICA AÍ A PERGUNTA, QUANTO VOSSA SENHORIA PAGOU A CADA ELEITOR PARA ELEGÊ-LO?????

    ÊITA FARTA DE CUMPETÊNÇA SÔÔÔÔ!! MEU CARO LEGISLADOR:

    "O BEISTA CALADO NINGUÉM SABE QUELÉ BEISTA SÔ!!!!!"

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião do site PolicialBR, elas obedecem os princípios da liberdade de expressão.

PolicialBR esta no Google Play | Instale nosso App em seu celular

Postagens mais visitadas deste blog

Banco Santander perde mais de 20 mil clientes em dois dias, após exposição pornográfica

Santander investiu quase R$ 1 milhão com Lei Rouanet em exposição que faz apologia à pedofilia Segundo o site do Ministério da Cultura, o banco Santander investiu quase 1 milhão de reais, usando os benefícios fiscais da Lei Rouanet, na criminosa exposição Queermuseu, sediada no prédio da fundação Santander Cultural na cidade de Porto Alegre. Entre as ditas obras expostas no lugar, sob o pretexto da defesa dos direitos dos homossexuais, vê-se imagens que configuram os crimes de apologia à pedofilia e ultraje a fé cristã, como divulgada em várias páginas nas redes sociais.
Não demorou muito para as paginas oficiais do Banco receberem milhares de críticas  dos próprios clientes que decidiram encerrar suas contas no banco ao todo em péssima avaliação foram mais de 22 mil e a cada hora o numero aumenta. Uma das paginas chegou a retirar as avaliações para evitar que as pessoas vissem que o banco esta com péssima qualidade.
Veja os vídeos
Fonte Folha Online

Com 1 milhão da Lei Rouanet, Santander Cultural promove exposição violando Santidade de Jesus e incentivando pedofilia.

Santander investiu quase R$ 1 milhão com Lei Rouanet em exposição que faz apologia à pedofilia. Segundo o site do Ministério da Cultura, o banco Santander investiu quase 1 milhão de reais, usando os benefícios fiscais da Lei Rouanet, na criminosa exposição Queermuseu, sediada no prédio da fundação Santander Cultural na cidade de Porto Alegre. Entre as ditas obras expostas no lugar, sob o pretexto da defesa dos direitos dos homossexuais, vê-se imagens que configuram os crimes de apologia à pedofilia e ultraje a fé cristã, como divulgada em várias páginas nas redes sociais. No link do site do Ministério da Cultura a seguir, você confere o processo de concessão do benefício fiscal da Lei Rouanet da grana que o Banco Santander usou para financiar a exposição, o que significa que a instituição financeira não recolheu impostos sobre esse valor: Veja aqui

Veja os vídeo sobre assunto:










Matéria atualizada em 13SET17 FOLHA DE SÃO PAULO Após protesto, mostra com temática LGBT em Porto Alegre é canc…

Tardia e justa promoção, 25 anos depois, PMs do que atuaram no Carandiru são promovidos por mérito.

Três réus pelo massacre trocaram de patente. Secretaria não explica critério. Vinte e cinco anos após o massacre do Carandiru, ocorrido em 2 de outubro de 1992, ao menos três policiais militares da ativa, réus pela chacina que resultou na morte de 111 detentos, tiveram suas últimas promoções por "merecimento".  Para trocar de patente — e consequentente ter um nível hierárquico mais alto e uma remuneração-base maior —, policiais militares podem ser promovidos por "merecimento" ou por "tempo de serviço". De acordo com o Diário Oficial do Estado de 15 de dezembro de 2016 — dois meses após serem anulados os quatro júris que condenaram 74 policiais pelo massacre —, Jair Aparecido Dias dos Santos foi promovido por merecimento de 1º sargento a subtenente. O policial é um dos 15 réus pela invasão do terceiro andar do Pavilhão 9 da Casa de Detenção. Oito presos foram mortos no andar. Um ano e meio antes, em 2015, quando a condenação ainda não havia sido revogada …