Pular para o conteúdo principal

Assine a nossa Newsletter e receba em seu e-mail as principais notícias

 

PolicialBR esta no Google Play | Instale nosso App em seu celular

Foto no Facebook mostra PM dando “bronca” em alunos em escola de SP

Nesta quarta-feira (24), um policial militar entrou sem autorização em uma sala de aula do ensino fundamental do CEU Parque Bristol, na zona sul de São Paulo, para repreender alunos que estariam chamando os policias de "coxinha" pela janela.
Uma foto do momento da "bronca" foi divulgada no Facebook e compartilhada por mais de 1.600 pessoas até a publicação deste post. Nos comentários, há relatos de que o policial teria ameaçado e coagido os alunos.
No perfil Mães de Maio há o seguinte texto acompanhando a foto: "... as crianças mexeram com eles pela janela chamando-os de 'coxinha'. Isso foi o suficiente para eles invadirem a escola, entrarem nessa sala de oitava série e cometer atrocidades como ameaças de morte, coação, engatilhar armas, humilhá-los, chamá-los de marginais, enfim...atitudes dignas de homens 'corajosos'. Esse é nosso pais. Essa escola é municipal. CEU EMEF Parque Bristol".
A Secretaria Municipal de Educação confirma que o policial entrou na escola para repreender os estudantes sem pedir autorização. A SME comunicou o fato à SSP (Secretaria de Segurança Pública do Estado) e a gestora da unidade entrou em contato com o 46º Batalhão da Polícia Militar logo após o ocorrido.
De acordo com o setor de Comunicação Social da PM, "o secretário Antonio Ferreira Pinto determinou que a ocorrência seja rigorosamente investigada pela Corregedoria da Polícia Militar". A nota divulgada pela PM também afirma que "a SSP não tolera abusos de policiais e, se confirmadas as denúncias, eles serão afastados e punidos". (vi no Facebook) (Fonte: Yahoo).

Comentários

  1. parabens vamos criar marginais, presidios dao mais lucros que escolas!!!!temos que proteger essas criancinhas mal educadas para serem bandidos perigosos no futuro!!!

    palhaçada

    ResponderExcluir
  2. Palhaçada as pessoas (pais e mães)defendendo a mau criação de seus filhos.EDUCAÇÃO E RESPEITO DEVE VIR DE CASA.O policial agiu corretissimo.

    ResponderExcluir
  3. Parabéns as mÃes desses futuros marginais e drogados, POLICIL A DO BRASIL POR FAVOR PAREM A POLICIA ACABOU....

    ResponderExcluir
  4. "Alunos" de hj bandidos amanhã", é pra iso que o governo trabalha permitindo com que isso aconteça, desrespeitando a polícia e ta tudo certo.
    O goverto está trabalhando para instituir o caos na sociedade e esse plano começa nas escolas de ensino fundamental do governo dele onde é maioria onde ele coloca em prática os ensinamentoas diabólicos para desmoronar a sociedade, e está conseguindo êxito.
    Parabéns mais uma vez aos governantes que apoiados por sociedades secretas ocultistas estão conseguindo mudar o rumo do país para a destruição social.

    ResponderExcluir
  5. Minha esposa é Professora e diáriamente testemunha tamto pais e alunos agredido funcionarios da escola como fossem seus servos.

    escolas , alem de educar crianças oriundas de familias de caráter , tambem lindam com pais e crianças bandidos , traficantes que usam da sua maioria para ameaçar todos ! O BANDIDINHO IMPÕE SUAS VONTADES NÃO PODEM SER CONTRARIADOS SENÃO OS COMPARSAS DO PAI OU DO IRMÃO PÕE EM RICOS A TODOS!

    ResponderExcluir
  6. pode contar que estes alunos nao passam de marginais que xingaram os pms e a familia e a grande culpada a educaçao vem de casa como nao deve ter isso na familia deve ser uma baderna e a escola que fala que o pm invadiu deve ser uma merda tambem ,porque na hora de fica pedindo para viatura fica passando la toda hora FICA ENXENDO O SACO existe uma sociedade inteira que tambem quer POLICIAMENTO quer segurança na escola contrata seguranças da area privada e deixa os PMS trabalharem (pra estes alunos que xingaram os pms e a escola que falou que eles invadiram VCS SAO TODOS BANDO DE VAGABUNDOS.E SE A PM FOR PUNUIR ESTES PMS QUE ESTAVAM TRABALHANDO TRANGUILO NOS SEU PATRULHAMENTO PODE CONTAR QUE QUEM ESTA PUNINDO E OUTRO VAGABUNDO DE MAO CHEIA.

    ResponderExcluir
  7. É, os policiais estão errados mesmo.....

    Certos estão as "crianças" que ficam xingando-os pela janela da escola...

    Cadê o respeito aos agentes da lei???? É por essas e outras que a nossa sociedade está do jeito que está....

    Vamos repreender as nossas crianças e fazer respeitar as regras de moral e bons costumes!!!!

    ResponderExcluir
  8. esses filho de uns imbecis cagam dentro da sala de aula ,poem fogo,batem em professores e monitores,e ainda se acham certos nesta atitude idiota.Ainda vem o secretário de segurança ,dizendo que tem que apurar,apure as mortes dos policiais seu burocrata oficial.

    ResponderExcluir
  9. MUITOOOO BEM SECRETARIO,PUNA MESMO RIGOROSAMENTE ESTE POLICIAL QUE TENTOU IMPLANTAR UM POUCO DE RESPEITO A ESTES MOLEQUES QUE NÃO TEM PAI NEM MÃE AO MEU VER, PRA ISSO O SR É OTIMO,QUEM SABE AMANHÃ OUTRO POLICIAL VAI SER MORTO POR CAUSA DA SUA INCOMPETENCIA NA SEGURANÇA PUBLICA,E QUANTOS AOS PAIS DESTES MOLEQUES;ELES É QUE ESSINAM SEUS FILHOS A FALAR ASSIM DE UM POLICIAL.

    ResponderExcluir
  10. MUITO BEM MESMO, QUER DIZER AS "CRIANCINHAS" PODEM XINGAR E FAZER PIADINHAS A POLICIAIS,E TUDO MAIS DE DENTRO DE UMA SALA DE AULA DE UMA ESCOLA? E ENTÃO SENHORA DIRETORA , ISSO DEMONSTRA A EDUCAÇÃO QUE VCS ESTÃO ENSINANDO , POIS BEM NA MINHA OPINIÃO DEVERIA VOLTAR A PALMATÓRIA E OS CASTIGOS DE JOELHOS DA ÉPOCA EM QUE MEUS PAIS ESTUDARAM . PORÉM DIGO MAIS EU NO LUGAR DESSE VALOROSOS POLICIAIS TERIA SOLTADO A LAMBA EM CIMA DESSES MARGINAIS DE ESCOLA . JA QUE OS SENHORES PAIS E OS SENHORES DIRETORES DESSAS ESCOLAS NÃO CONSEGUEM EDUCAR AS FAMOSAS "CRIANCINHAS" QUE SE ENCONTRAM NA 8º SÉRIE. PARABÉNS AOS FUTUROS MARGINAIS !!!

    ResponderExcluir
  11. ENGRAÇADO. FOI NECESSÁRIO A POLICIA ENTRAR NA SALA DE AULA PARA PODER CORRIGIR OS ALUNOS QUE OFENDERAM OS FUNCIONÁRIOS DO ESTADO. CADE A DIRETORIA DA ESCOLA PARA REPREENDER OS ALUNOS? CADE OS PROFESSORES QUE DEVERIAM ESTAR CHAMANDO A ATENÇÃO DOS ALUNOS PELO FEITO? NA VERDADE ESSES HIPOCRITAS CAGAM DE MEDO DOS ALUNOS, SE BORRAM PELA CARA FEIA DELES, MAS NA HORA EM QUE TEM ALGUEM QUE NÃO TEM MEDO CHEGA, É MALTRATADO E DENUNCIADO POR ABUSO, E PIOR... OUTROS HIPOCRITAS ACEITAM A DENUNCIA.
    AO MEU VER, OS POLICIAIS AGIRAM ERRADO POR ENTRAR E AMEAÇAR, DEVERIAM ENTRAR, DAR VOZ DE PRISÃO E CONDUZIR OS INFRATORES OU MELIANTES PARA A DELEGACIA E AUTUAR POR DESRESPEITO, E A DIRETORA AUTUAR POR PARTICIPAÇÃO SOLIDÁRIA.

    ResponderExcluir
  12. Papai e mamãe dos coitadinhos que desacataram os policiais... o que eles fizeram já é ato infracional e justifica a entrada da PM no recinto... lembrem-se que seguindo o caminho da marginalidade o destino é cadeia ou a morte, nas mãos de bandidos ou em confrontos com a Polícia. Então, ao invés de passar a mão na cabecinha dos coitadinhos, porque não têm uma atitude digna de pais e os repreendem???
    E a Secretaria de Segurança heim???!! mandar investigar com o maior rigor possível?? tem que mandar investigar é os crimes contra os PMs fora de serviço. Porque não mostram serviço onde importa realmente???

    ResponderExcluir
  13. CARA EU ME LEMBRO QUE QUANDO EU ERA PEQUENO LA EM ITAQUERA NA ZONA LESTE OS ALUNOS RESPITAVAM MUITO OS POLICIAIS E EU ME LEMBRO QUE QUANDO A PM ENTRAVA NA ESCOLA ERA UMA ADMIRAÇÃO SO,MAS HOJE ESTAS MÃES VAGABUNDAS CRIAM, FILHOS PROBREMATICOS E INRRESPOSAVEIS E NÃO DÃO EDUCAÇÃO PRA ESTE FUTUROS MARGINAIS E AINDA FICAM FALANDO MAL DO PM QUE ADENTROU NA SALA PRA CHAMAR À ATENÇÃO SE FOSSE NO MEU TEMPO MEADOS DE 90 A PM TINHA DADO UMA SURRA NA BUNDA DESTE MULEKE INSOLENTE QUE NAÕ RESPEITA NINGUÉM

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião do site PolicialBR, elas obedecem os princípios da liberdade de expressão.


| Mais Acessados na Última Semana |

Justiça Militar manda PM reintegrar cabo acusado de matar atriz durante blitz em Presidente Prudente

Decisão publicada nesta quarta-feira (18) atende a um pedido de tutela de urgência feito pela defesa. Marcelo Aparecido Domingos Coelho foi demitido da corporação em abril de 2015. oi publicada nesta quarta-feira (18) no Diário da Justiça Militar a decisão do juiz substituto da 2ª Auditoria do Tribunal de Justiça Militar do Estado de São Paulo (TJM-SP), Marcos Fernando Theodoro Pinheiro, que determina a imediata reintegração de Marcelo Aparecido Domingos Coelho aos quadros da Polícia Militar do Estado de São Paulo. Em abril de 2015, o então cabo da PM foi demitido pela corporação, após ser acusado no processo que envolveu a morte da atriz e produtora cultural Luana Barbosa durante uma blitz policial na Avenida Joaquim Constantino, na Vila Formosa, em Presidente Prudente.
O juiz levou em consideração a absolvição que Coelho obteve na Justiça Militar, sob o argumento de “legítima defesa” e do “estrito cumprimento do dever legal”, o que, segundo o magistrado, de certa forma, contradiz c…

Policial civil morto em mega-assalto a empresa de valores é enterrado

Vítima foi morta a tiros durante ação dos criminosos que explodiram sede da Protege em Araçatuba (SP). Policial estava de folga. O corpo do policial civil André Luís Ferro da Silva, morto durante o mega-assalto a empresa Protege em Araçatuba (SP) nesta segunda-feira (16), foi enterrado na manhã desta terça-feira (17) em um cemitério particular da cidade. Ferro tinha 37 anos e foi baleado durante a ação. Ele foi socorrido com vida, mas morreu durante atendimento na Santa Casa. Silva era investigador e integrante do Grupo de Operações Especiais (GOE), e deixou filhos e a esposa.
O velório da vítima foi feito em um salão de uma funerária em Araçatuba e, do local, o caixão seguiu em um caminhão do Corpo de Bombeiros em cortejo com viaturas das polícias Militar e Civil até o cemitério. Segundo a Polícia Militar, o policial civil estava de folga do serviço e foi ao local para ver o que acontecia após ser chamado pelos pais, que moram perto da sede da Protege.
O grupo criminoso, cerca de 40 la…

Mais de 1 milhão de votos foram validados no Prêmio Congresso em Foco. Deputado Capitão Augusto esta entre os melhores de 2017.

Um dos três filtros desta décima edição do Prêmio Congresso em Foco 2017, a consulta popular na internet para a escolha dos melhores deputados e senadores do ano teve 1.034.683 votos validados, distribuídos por 130.113 pessoas, entre 1º e 30 de setembro. Os participantes da votação digital podem ter certeza de uma coisa: poucas consultas feitas pela internet são tão bem monitoradas quanto esta. Os vencedores serão conhecidos na próxima quinta-feira (19), na festa de premiação, a ser realizada no Unique Palace, a partir das 20 horas.
Desta vez, foi adotado o sistema de votação desenvolvido pela mais conceituada empresa de software de pesquisas do mundo, a Survey Monkey,  companhia norte-americana reconhecida mundialmente por sua capacidade de processamento e segurança de dados, e também pela auditoria realizada diariamente em cada um dos votos recebidos. Esses votos passam inicialmente pela checagem e filtragem dos seus números de Internet Protocol – o famoso IP, número pelo qual o di…

PL 920: uma bomba atômica no funcionalismo público que Alckmin quer ver aprovado a todo custo.

O governador Geraldo Alckmin protocolou na quinta-feira, 5/10, o Projeto de Lei 920/2017, que representa uma verdadeira bomba atômica no Estado de São Paulo, sobretudo um verdadeiro ataque aos servidores estaduais e à prestação de serviços públicos. Publicado no Diário Oficial já no dia seguinte, o PL formaliza a renegociação da dívida de São Paulo com a União, ampliando o prazo de pagamento.
            Em contrapartida, o Estado se compromete a cumprir as exigências do governo federal, que impõe um verdadeiro arrocho salarial sobre os servidores públicos. Essa cruel punição aos servidores foi aprovada no ano passado pelo Congresso Nacional. Seu embrião foi o PLP 257, apresentado pela presidente Dilma, que depois foi maquiado pelo governo Temer e transformado na Lei Complementar federal 156/2016.
            Se o PL 920 for aprovado – e espero que não seja –, haverá um congelamento não só de salários, mas também da evolução funcional de todos os servidores estaduais, ficando suspens…

Alckmin propõe reajuste de 7% para policiais

ATENÇÃO- ATENÇÃO ESTA NOTÍCIA É DO ANO DE 2013 E ESTA CIRCULANDO NAS REDES SOCIAIS COMO SENDO ATUAL

O governador Geraldo Alckmin anunciou nesta sexta-feira, 13, o envio à Assembleia Legislativa de um projeto de lei que concede aumento salarial de 7% para os membros da Polícia Militar, da Polícia Civil e da Polícia Técnico-Científica. O reajuste também será estendido aos agentes penitenciários. Aposentados e pensionistas das quatro categorias também terão o mesmo benefício. No total, serão beneficiados 172 mil policiais militares, 53 mil policiais civis e 33 mil agentes penitenciários. O custo para o Tesouro do Estado será de R$ 983 milhões por ano. Esta é a terceira vez que o governador Alckmin concede aumento salarial acima da inflação do período. Desde o último reajuste, o índice oficial de inflação acumulada é 5,66%. Em outubro de 2011, os policiais tiveram 15% de aumento retroativo a julho de 2011. Em agosto de 2012, o aumento foi de 11%. Com a nova proposta, o reajus…