Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2011

Assine a nossa Newsletter e receba em seu e-mail as principais notícias

 


Fazer um "beiçinho"

O projeto do vereador Galba Novaes, intitulado de "bico legal" tem tirado o sono da cúpula ineficaz que tomou de assalto a nossa Segurança Pública e, com suas ações nada profícuas e exitosas, tem sido a principal responsável pela epidemia de violência recente, ao qual o secretário Dário, o César, tem correlacionado como uma "leve dor de cabeça", esta que vem ceifando vidas de pessoas humildes – que nada tem a ver com a sede de poder destes desonrados líderes.Este projeto, já existente em outras unidades federativas onde a polícia é mais eficaz, consiste em remunerar o policial militar em suas horas de folga, efetivamente trabalhadas na própria corporação, com dotação orçamentária oriunda do Poder Executivo Municipal, através das verbas vindas do PRONASCI/SENASP; verbas estas, que, diga-se de passagem, são devolvidas aos milhões por incompetência dos nossos gestores em realizar um simples projeto que seja a ser aprovado para que estas sejam liberadas nos respectivos…

Atendimento Médico e Hospitar para PM de SP - Novas normas

 NORMAS E PROCEDIMENTOS PARA LIQUIDAÇÃO DE DESPESAS NOS ATENDIMENTOS MÉDICOS DE URGÊNCIAS/EMERGÊNCIAS POR TERCEIROS, CAPITAL E/OU INTERIOR

QUARTEL DO COMANDO GERAL São Paulo, 08 de julho de 2011. BOLETIM GERAL PM 127 Publico, para conhecimento dos integrantes da Polícia Militar do Estado de São Paulo e devida execução, o seguinte: 1ª PARTE LEGISLAÇÃO E ORGANIZAÇÃO DETERMINAÇÕES E ORDENS 1 - NORMAS E PROCEDIMENTOS PARA LIQUIDAÇÃO DE DESPESAS NOS ATENDIMENTOS MÉDICOS DE URGÊNCIAS/EMERGÊNCIAS POR TERCEIROS, CAPITAL E/OU INTERIOR 1. Determino que, quando houver necessidade de atendimento médico e/ou internação hospitalar em estabelecimento médico-hospitalar da rede privada, nas condições previstas nesta norma, seja observado o seguinte: a. O Policial Militar acidentado em ato de serviço deverá comunicar o fato à sua Unidade imediatamente, pelos meios disponíveis, informando a condição clínica e estabelecimento médico hospitalar em que se encontra em atendimento; b. O Policial Militar deve deixar seu…

Atendimento Médico e Hospitar para PM de SP - Novas normas

 NORMAS E PROCEDIMENTOS PARA LIQUIDAÇÃO DE DESPESAS NOS ATENDIMENTOS MÉDICOS DE URGÊNCIAS/EMERGÊNCIAS POR TERCEIROS, CAPITAL E/OU INTERIOR

QUARTEL DO COMANDO GERAL São Paulo, 08 de julho de 2011. BOLETIM GERAL PM 127 Publico, para conhecimento dos integrantes da Polícia Militar do Estado de São Paulo e devida execução, o seguinte: 1ª PARTE LEGISLAÇÃO E ORGANIZAÇÃO DETERMINAÇÕES E ORDENS 1 - NORMAS E PROCEDIMENTOS PARA LIQUIDAÇÃO DE DESPESAS NOS ATENDIMENTOS MÉDICOS DE URGÊNCIAS/EMERGÊNCIAS POR TERCEIROS, CAPITAL E/OU INTERIOR 1. Determino que, quando houver necessidade de atendimento médico e/ou internação hospitalar em estabelecimento médico-hospitalar da rede privada, nas condições previstas nesta norma, seja observado o seguinte: a. O Policial Militar acidentado em ato de serviço deverá comunicar o fato à sua Unidade imediatamente, pelos meios disponíveis, informando a condição clínica e estabelecimento médico hospitalar em que se encontra em atendimento; b. O Policial Militar deve deixar seu…

E a história se repetiu

Na manhã deste domingo, 31, uma megaoperação da Polícia Militar apreendeu alguns materiais no Conjunto Benedito Bentes, área do 5º BPM, mais especificamente na parte central do conjunto ao lado da Praça Padre Cícero, onde habitualmente se realiza a "feira livre". Na ocasião, foram utilizados cerca de 160 policiais militares; sendo 64 policiais do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE), 46 agentes do Batalhão de Polícia de Rádio Patrulha (BPRp), 15 homens do Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran), 10 policiais do Batalhão de Polícia Ambiental (BPA) e 15 policiais do 5º BPM (assim como vários P2 do CPC). Segundo o TC Dorgival, esta ação, que foi orquestrada pelo Comandante do CPC, o Coronel Gilmar Batinga, "é uma ação que será constante aqui no bairro. Visto que algum produtos são frutos de roubos e contravenções. Quem tiver nota do material apreendido deverá procurar a sede do batalhão e o objeto será liberado", ressaltou. O leitor, atento, po…

Comandante do 4º BPM reconhece que efetivo é insuficiente

O 4º Batalhão de Polícia Militar (BPM) conta atualmente com 574 policiais, responsáveis por fazer a segurança de nove municípios da região. Além de Marabá, são responsabilidade do Batalhão os municípios de Nova Ipixuna, São João do Araguaia, São Domingos do Araguaia, Brejo Grande do Araguaia, Palestina do Pará, São Geraldo do Araguaia, Piçarra e Itupiranga. O problema está exatamente no número de policiais que atendem a essa demanda. Questionado o novo comandante do 4º BPM, tenente-coronel José Sebastião Valente Monteiro Júnior, reconhece que a quantidade de policiais é muito pequena e seria necessário o dobro disso, ou seja, ao menos 1.200 homens.

O comandante relata que foi realizado um estudo, remetido ao comando da Corporação em Belém, solicitando a implantação de mais um Batalhão em Marabá, instalado mais especificamente no Núcleo Cidade Nova. “Além disso, precisaríamos da criação de mais duas Companhias Independentes de Polícia Militar, como a que já existe uma em Rondon do Pará”…

Total de visualizações de página